O que é sala de aula invertida e quais as vantagens desse método?

09/07/2019 em Educação



O que é sala de aula invertida e quais as vantagens desse método?
Os métodos de ensino tradicionais já estão bem defasados em frente às novas formas de ensino, elaboradas a partir das necessidades atuais da sociedade. Inclusive, você já ouviu falar do método da sala de aula invertida? Trata-se de uma metodologia possível de ser implementada em inúmeros contextos, e que promove uma verdadeira transformação no ambiente escolar. Essa forma de educação já tem sido usada em algumas escolas brasileiras e produzido efeitos significativos no desempenho dos alunos. Acompanhe este conteúdo para conhecer mais sobre essa estratégia de ensino e aprendizagem! Vamos lá!

O que é o método da sala de aula invertida?

Apesar do nome, a inversão não propõe uma alteração física no espaço da sala, mas, sim, uma mudança das formas como as aulas são estruturadas. É uma alteração da norma tradicional, e a ideia é que o aluno tenha acesso prévio ao conteúdo e discuta, na escola, os assuntos já vistos em casa. Isso significa que o estudante vai se preparar anteriormente para o que será ensinado pelo professor. Nos sistemas tradicionais, o tempo em sala é usado majoritariamente para a transmissão de ensino direto, em aulas dissertativas, por exemplo. O método da sala de aula invertida prioriza o aproveitamento desse tempo para a construção coletiva do conhecimento. O uso de tecnologias digitais pode ser uma grande ajuda para otimizar esses processos. Desse modo, o tempo na escola será mais aplicado para o exercício e a discussão dos conteúdos, ampliando o alcance dos temas propostos.

Quais são os pilares dessa metodologia?

Existem quatro norteadores fundamentais a serem levados em conta para implementar essa metodologia. São eles:

Ambiente flexível

Os sistemas clássicos de ensino já estão bastante defasados, mas, ainda assim, a maior parte das instituições apoiam a sua estrutura neles. Um dos aspectos em que isso se evidencia é a disposição dos ambientes escolares. As salas são sempre arranjadas de maneira fixa, pouco flexível. O método de que falamos aqui preconiza uma variação constante das ferramentas e configurações utilizadas. Esse espaço, inclusive, deve ser pensado de acordo com a necessidade de cada aluno ou grupo de estudantes, podendo ser modificado para experimentações e criação de novos arranjos.

Cultura do aprendizado

A cultura do aprendizado implica que todos os atores envolvidos devem participar e construir o conhecimento coletivamente. Usualmente, apenas o professor é referenciado como portador do saber. Essa configuração desconsidera o conhecimento dos outros membros do corpo escolar como válido. Desse modo, o método da sala de aula invertida propõe que os alunos construam ativamente sua educação em casa e em sala de aula, estimulando também seus colegas a fazerem o mesmo.

Conteúdo intencional

Isso quer dizer que o conteúdo em questão não será uma transposição direta para os alunos do que está contido nos livros. O professor deverá ensinar baseado no contexto e nas demandas específicas de cada um. Esse pilar propõe que o ensino seja útil de alguma forma para a vida dos estudantes, baseado em conteúdos e temas que se relacionem com o contexto específico de aprendizado.

Educadores profissionais

Para além de ser alguém que tenha um vasto conhecimento acadêmico, aquele que ensina também deve possuir um saber sobre as discussões atuais da prática docente. O professor precisa ser aquele que acompanha o aluno também em outros momentos, que está pronto para ouvir críticas e reformular suas ações a partir das demandas particulares.

Quais são as vantagens da sala de aula invertida?

Existem inúmeras vantagens de utilizar essa metodologia, já comprovadas cientificamente inclusive. Algumas delas são:
  • melhoria do desempenho de cada estudante;
  • aumento de rendimento em sala de aula, por utilizar o tempo melhor;
  • foca-se apenas no que é realmente relevante para o aluno;
  • o ensino é formulado para que cada um consiga aprender em seu tempo.
O método da sala de aula invertida busca mudar não só a ordem no ensino em sala de aula, mas repensar toda a lógica que estrutura a escola. Aposta-se muito na independência e nas potencialidades de cada um, tornando os estudantes pessoas mais críticas, autônomas e preparadas para enfrentar os desafios do mercado e da sociedade. Gostou de nossa discussão? Leve esse debate para frente compartilhando o post em suas redes sociais! Até mais!

Veja também

Share via